5 dicas para ganhar mais dinheiro no verão em seu restaurante

Não é preciso nem o verão dar as caras, para proprietários de bares, restaurantes, lanchonetes ou derivados, já estarem pensando nas formas de “conquistar um extra” na estação mais quente do ano. Afinal, não basta apenas investir em uma produção de gelo para bebidas confiável – embora seja essencial – para utilizar na sua empresa e pronto. O verão pede (e pode!) muito mais! Como o próprio Philip Kotler, considerado o pai do marketing, diz: “onde quer que exista uma necessidade, há uma oportunidade”.

E foi pensando justo na união de todos estes pontos, que produzimos este artigo. Entendemos e concordamos que alugar uma máquina de gelo já é uma economia para o orçamento, mas também acreditamos que é o momento ideal para ir além. É tempo, por exemplo, de utilizar vários tipos de gelo, em diferentes bebidas, para conquistar a tão cobiçada renda extra. Duvida? Nós te provamos de forma direta e longe de complicações que é possível. Porque, no fim das contas, se Kotler falou, está falado. Veja!

1. UM SUCO SEMPRE TEM SEU LUGAR

Das bebidas com gelo, com certeza ele é o mais clássico. E como o clássico nunca perde a vez, eis aqui o famoso suco. Consumido por quem quer se refrescar, como para aqueles que querem manter a forma e/ou a alimentação saudável, a bebida pode vir nos mais diversos sabores – e misturas – para agradar aos mais diversos paladares. Mas é fundamental lembrar que, para ganhar dinheiro no verão, ele tem que ser servido natural – nada de polpa! – e com bastante gelo. Assim, o consumo se torna ainda mais prazeroso, benéfico e claro: frescor puro.

2. LET IT GO!

Curinga. Essa seria a melhor definição para um bom e belo frozen, porque ele pode marcar presença em ocasiões em que uma pitadinha de álcool cai bem, mas também em outras em que se configura praticamente como um suco congelado, e batido no liquidificador.

Primo da raspadinha, ele é (quase que) uma especialidade oficial do Caribe, mas sempre marca presença em terras brasileiras – em especial quando o sol está a pino – em versões que variam desde o tradicional até o com iogurte ou café. E não é só por seu caráter refrescante que é eleito como uma das bebidas queridinhas da época não! É que o frozen é muito fácil de se preparar: cubos de gelo, frutas, açúcar e, caso queira, uma dose de alguma bebida alcoólica. E voilà! Sucesso no cardápio.

3.DRINQUES (AINDA MELHORES) GELADINHOS

A cerveja pode até ter seu lugar, mas já parou para analisar que os drinques podem te ajudar a faturar por agora? Caso não, pensem bem: eles são um atrativo e tanto para uma mesa repleta de amigos, que pede brinde (e petiscos) a todo o tempo. É que além de gelados, são leves, convidativos e a cara da estação. E não se preocupe: como já são elaborados em sua fórmula como uma bebida com gelo, não correm o risco de ficarem aguados quando ele derreter.

4. VINHO COM GELO? SIM!

Independentemente de ser considerada a bebida do inverno, com um gelinho tudo se acerta e ele se torna também a cara da estação. Para oferecer aos seus clientes, basta apostar em um simples cuidado: armazenar a garrafa em um balde preenchido metade por água, metade por gelo, e lembrar que é tempo de aposentar aqueles do tipo branco e rosé, e apostar nos mais suaves e que possuem mais açúcar.

5. CHEERS! A VEZ DOS ESPUMANTES

Avise a seus clientes: nada de torcer o nariz para os espumantes servidos com cubos refrescantes. É que eles foram pensados por grandes empresas especialmente para serem servidos acompanhados com gelo, então não há mistério algum em deleitar-se com uma taça repleta de frescor e perlage (as famosas bolinhas da bebida).

Melhor do que isso é ter a possibilidade de servir um drinque com esses espumantes típicos das altas temperaturas. Incrível (e vantajoso), né?

VOCÊ SABIA? PARA GANHAR DINHEIRO NO VERÃO TAMBÉM É NECESSÁRIO TER ALGUNS CUIDADOS

O principal deles é saber a procedência do gelo para bebidas, já que garantir a qualidade (e a saúde) do cliente é primordial em uma organização. Mas aí entra o questionamento: é possível ter a certeza de que o saco que você comprar na fábrica/depósito segue as regras de fabricação?

Dificilmente.

Por isso, uma opção para solucionar este problema pode ser a de você mesmo produzir o seu. Com uma máquina especializada, é possível não só atingir produtos limpos e livres de impurezas, mas em especial evitar problemas futuros cumprindo o que determina, por lei, o decreto nº 6.235, de 30 de outubro de 1986. Ele reitera, sob linhas gerais, o compromisso de os empresários fornecerem alimentos saudáveis e bebidas potáveis a seus clientes.

Ou seja: utilizar gelo filtrado não é mais uma boa ação, e sim uma obrigatoriedade legal do empresário para com seus clientes. E tem mais: caso seja descumprido, a multa aplicada vai para o seu próprio estabelecimento, e não para o local em que você adquiriu as pedras. Melhor prevenir do que remediar, não?!

A CASA ESTÁ CHEIA E VOCÊ PRECISA GELAR A BEBIDA RÁPIDO? VEJA ESSA RECEITA!

Temperatura batendo 40º, sensação térmica para lá de 42º… Não seria novidade para ninguém dizer que os freezers não deram vazão e que as bebidas geladas saíram que nem água – o que te obriga a usar as que estão quentes no estoque.

Você, sem sombras de dúvidas, precisa de um plano B – pois a última coisa que as pessoas querem é bebida quente.

Eis aqui a solução: uma mistura de gelo, álcool líquido e sal grosso pode fazer com que a temperatura caia para -14º e em pouco tempo e você tenha o líquido geladinho, e pronto para ser servido de novo. Isto só acontece porque o sal e o álcool fazem o gelo derreter mais rápido, em uma reação que absorve calor – que vem justamente da lata/garrafa da bebida. Simples assim!

Agora anota aí os ingredientes e modo de preparo:

  •         5 kg de gelo
  •         250 ml de álcool líquido
  •         250 gramas de sal grosso

Misture tudo em uma caixa térmica ou isopor e espalhe os recipientes pela mistura. E fique de olho no tempo para não correr o risco da bebida congelar, combinado?

Se você chegou até o final deste artigo mas ainda tem dúvidas sobre o  produzir seu próprio gelo, baixe o e-book “5 vantagens de alugar uma máquina de geloe convença-se, de uma vez por todas, que esta é a melhor opção para seu negócio e seu orçamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *